Guru Hub
Investimento na terceira idade
Dúvida comum entre pessoas na melhor idade é se vale a pena investir

Investimento para idosos: vale a pena pensar no longo prazo?

A melhor hora para a diversificação dos investimentos e estratégias para o futuro é agora, independente da idade

As pessoas vão ficando mais experientes (não podemos usar o termo mais velhas porque isso não condiz com a relidade e para investir não tem idade) , ao ingressar na terceira idade, é comum surgirem dúvidas sobre quais seriam os melhores investimentos para esse período da vida. Devemos lembrar que os planos nessa fase de vida não estão somente em seus desejos e anseios, mas também envolvem familiares, filhos, netos, bisnetos e por aí vai.

Outro fato que devemos destacar é a expectativa de vida do brasileiro que já ultrapassa os 75 anos. O investimento a longo prazo possibilita o aproveitamento dos juros compostos, potencializando os rendimentos. No entanto, a importância de considerar o perfil e os objetivos pessoais, além de buscar orientação profissional para tomar decisões adequadas, é a chave para qualquer indivíduo que queira começar a investir na terceira idade.

Se você está considerando investimentos para idosos (e melhor idade), leia nosso conteúdo com atenção.

Fique atento aos prazos e estratégias

O prazo é de fato o que mais gera dúvidas para pessoas que já passaram dos 50 anos e querem ou consideram investir. Por exemplo, se você acaba de completar 50 anos, parabéns você ainda é super jovem, e deve sim considerar investimentos a partir de 10 anos como um período ideal para investimentos a longo prazo. Por outro lado, pessoas com 60 anos, talvez o prazo máximo para ativos financeiros de longo prazo seria de 5 a 10 anos, ajustando-se conforme a expectativa de vida de cada indivíduo, inclusive considerando fatores herditários na família (quem vos escreve aqui, César Augusto, tem um avô de 98 anos que ainda trabalha, não é incrível?).

Investir depois dos 50
Eu e meu avô, Sr. Antônio, com 98 anos e trabalhando, em sua quitanda na zona sul de SP

Sendo assim considere:

Indivíduos com 50 anos

O prazo máximo seria em torno de 15 a 20 anos, considerando a idade de aposentadoria também.

Investimentos para se avaliar

1. LCI e LCA (Letra de Crédito Imobiliário e Agrícola):
  • Investimentos de renda fixa com isenção de Imposto de Renda.
  • Capta recursos para desenvolvimento do setor imobiliário e agronegócio.
  • Carência e retorno pré-estabelecido na data de vencimento.
2. Tesouro Direto:
  • Opção de baixo risco, com títulos públicos.
  • Possibilidade de manter até o vencimento, proporcionando retorno a longo prazo.
  • Seguro, boa rentabilidade e liquidez diária.
3. Fundos Imobiliários (FIIs):
  • Geram renda passiva e podem se valorizar ao longo do tempo.
  • Adequados para objetivos de longo prazo, como aposentadoria.
  • Investem em ativos do mercado imobiliário.

Indivíduos com 60 anos ou mais

O prazo máximo seria em torno de 10 anos, considerando a idade de aposentadoria também. O fator hereditariedade deve ser lembrado com mais ênfase aqui. Investimento para idosos é um tema interessante de ser levado inclusive pelos filhos e netos para os avós.

Investimentos para se avaliar

1. LCI e LCA (Letra de Crédito Imobiliário e Agrícola):
  • Investimentos de renda fixa com isenção de Imposto de Renda.
  • Capta recursos para desenvolvimento do setor imobiliário e agronegócio.
  • Carência e retorno pré-estabelecido na data de vencimento.
2. Tesouro Direto IPCA+:
  • Opção de baixo risco, com títulos públicos.
  • Possibilidade de manter até o vencimento, proporcionando retorno a longo prazo.
  • Seguro, boa rentabilidade e liquidez diária
  • Brasil com histórico de inflação ciclico onde em curtos períodos possa existir retornos maiores (lembre-se de investir nesse título na baixa da inflação, pois nesse momento as taxas são maiores)
3. Fundos Imobiliários (Fiis):
  • Investir em fundos que possuem ativos do mercado imobiliário com a possibilidade de pagamento de dividendos mensais
  • Diversificação, rentabilidade e uma forma de acessar o mercado imobiliário sem a necessidade de comprar um imóvel diretamente.

Além dos investimentos convencionais: possibilidade de investir em Fundos de Investimento e ETFs

1. Fundos de Investimento:

  • Diversificação gerenciada por gestores profissionais.
  • Acesso a diversos ativos e estratégias.

2. ETFs (Exchange Traded Funds):

  • Replicam índices de mercado.
  • Baixo custo e alta liquidez.

Carteira Inteligente do Guru App

Dá para investir melhor sem perder tempo! Com a carteira inteligente do Guru App é possível criar um escopo diversificado de acordo com o seu perfil e todos esses questios de idade mencionados.

Quanto mais tempo você considerar e ter um perfil mais ou menos propenso ao mercado de investimentos, a carteira é montada visando potencializar os ganhos de maneira inteligente, sem precisar sem um expert no mercado financeiro.

Explicação de como funciona a carteira inteligente do Guru App

Acesse o site para conhecer e comece agora!

Highlights da carteira inteligente:

  • Montagem automática de carteira conforme o perfil do investidor.
  • Combinação equilibrada de renda fixa e variável.
  • Adequada para qualquer idade e prazo de captação.

Considerações finais

A escolha dos investimentos é pessoal e deve considerar objetivos individuais. Para quem busca diversificação e uma abordagem automatizada, alternativas como fundos de investimento, ETFs e a carteira inteligente do Guru App oferecem opções inovadoras e adaptáveis a diferentes idades e horizontes de investimento. O assunto investimento para idosos ou investimento na terceira idade deve ser abordado com cautela mas com consistência, pois quem chegou nessa idade e conseguiu construir um bom patrimônio, pode proporcionar frutos ainda maiores para seus entes.

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 4

Seja o primeiro a avaliar!

César Augusto

Produtor Musical, Desenvolvedor Web, Especialista em Digital Development e também apaixonado pelo mundo dos investimentos.

Carteira Inteligente de Investimentos
Carteira Inteligente de Investimentos