Guru Hub
CPF na nota vantagens e benefícios
Conheça as vantagens e benefícios para quem opta por incluir seu CPF nas notas fiscais

CPF na nota: vale a pena pedir? Quais são os benefícios?

Acesso a resgates de valores e até descontos em impostos são vantagens para que opta por incluir seu CPF nas notas fiscais

Ao realizar uma simples compra na padaria ou farmácia, é comum ouvir a pergunta: “CPF na nota?“. Você conhece a importância desse dado em sua nota fiscal e as vantagens associadas a essa prática?

Diversas vantagens podem ser obtidas pelos consumidores que optam por incluir seu CPF nas notas fiscais. Em diversas partes do país, esta ação permite acesso a resgates de valores e até obter descontos em impostos.

Saiba tudo sobre as vantagens sobre incluir o CPF na nota:

Como funciona o CPF na nota?

Presente em alguns estados brasileiros, o CPF na nota foi introduzido para aprimorar a transparência na arrecadação de impostos. Essa iniciativa permite aos consumidores acumular pontos, participar de sorteios, obter descontos em impostos e até resgatar valores.

Além disso, por meio deste sistema, cada governo estadual consegue supervisionar o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) e combater a sonegação de impostos, que ocorre quando alguém omite informações cruciais sobre seus rendimentos e atividades econômicas.

O programa de CPF na nota teve seu início no Rio Grande do Sul em 2012, marcando-se como pioneiro nessa abordagem. Desde então, outros estados adotaram essa prática, incluindo São Paulo, Maranhão, Rio de Janeiro, Alagoas, Minas Gerais, Bahia, Pará, Amazonas, Ceará, Sergipe, Rio Grande do Norte, Rondônia, Paraná e o Distrito Federal. Cada região estabelece seus próprios critérios de benefícios e pontuações, portanto, é aconselhável verificar as regras específicas e condições vigentes na localidade em que você reside.

E o que acontece ao colocar o CPF na nota? quais as vantagens?

Ao incluir seu CPF na nota fiscal, você desfruta de diversas vantagens, variando conforme a localidade. Isso inclui a acumulação de pontos, participação em sorteios, concorrência a prêmios, possibilidade de resgatar valores, obtenção de descontos em impostos, além da oportunidade de receber descontos em determinados produtos e serviços.

Descontos

Em determinados estados, como São Paulo, Alagoas, Paraná, Goiás e Rondônia, a consolidação de notas fiscais pode resultar em descontos de até 10% no IPVA do ano subsequente. Em contrapartida, no Rio de Janeiro, Manaus e Salvador, o desconto incide sobre o IPTU.

Prêmios e Sorteios

Consumidores também participam de sorteios que premiam valores que vão desde 5 mil até 1 milhão de reais. A quantidade de notas registradas no CPF influencia diretamente na chance de ganhar.

Resgate

Alguns programas possibilitam o resgate dos créditos acumulados a cada seis meses. Por exemplo, no Nota Paraná, esses créditos podem ser convertidos em recargas para celular. Já o programa “Sua Nota é um Show”, na Bahia, oferece a opção de troca por ingressos para shows.

Como consultar o CPF na nota?

Para descobrir quanto você tem acumulado, é preciso acessar o site da secretaria da fazenda do estado onde você mora, procurar pela área “nota fiscal”, se cadastrar ou fazer o login com seu cadastro e senha.

No caso da Nota fiscal Paulista, a consulta simples funciona da seguinte forma:

  1. Acesse o site Sistema da Nota Fiscal Paulista com o perfil “Consumidor”.
  2. Clique no menu em “Consultar” e, depois, em “Documentos fiscais”.
  3. Escolha o período e clique em “Não sou um robô”. Pode ficar tranquilo, esse passo faz parte do sistema de segurança.
  4. Clique no botão “Consultar” para verificar os valores ou em “Utilizar créditos” para resgatar o que estiver acumulado.
  5. Selecione uma das três opções: Crédito em Conta Corrente, Crédito em Conta Poupança ou Quitação ou abatimento no valor do IPVA — neste último caso, a opção só fica disponível em outubro.
  6. Preencha com seus dados pessoais e bancários, confirme se está tudo certinho e clique em “Efetuar a transferência”.

O que mais rende na nota fiscal?

Geralmente, os estabelecimentos que mais retornam dinheiro da Nota Fiscal Paulista, são:

  • 30% do ICMS: livros, jornais, revistas, açougues, peixarias;
  • 20% do ICMS: gás de cozinha, relojoarias, instrumentos musicais, materiais de construção (como areia e telhas), itens fotográficos, etc.;
  • 10% do ICMS: restaurantes, lanchonetes, bares, padarias, confeitarias, hortifrútis e locais de alimentação em geral;
  • 5% do ICMS: vestuário, acessórios, perfumaria, cosméticos, artigos esportivos, materiais elétricos, ferramentas, papelaria, móveis, bicicletas, etc.

Que tal investir seu dinheiro acumulado da maneira mais inteligente?

Com a carteira inteligente do Guru App é possível criar um escopo diversificado de acordo com o seu perfil, sem precisar sem um expert no mercado financeiro.

Explicação de como funciona a carteira inteligente do Guru App

Acesse o site para conhecer e comece agora!

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 8

Seja o primeiro a avaliar!

César Augusto

Produtor Musical, Desenvolvedor Web, Especialista em Digital Development e também apaixonado pelo mundo dos investimentos.

Carteira Inteligente de Investimentos
Carteira Inteligente de Investimentos