Guru Hub
Fundos Imobiliários: Quais os tipos e como investir

Fundos Imobiliários – FIIs: Quais os tipos e como investir?

Muito se procura sobre o conceito e os tipos de Fundos Imobiliários, mas surgem dúvidas como: O que eles diferem dos fundos de ações? FIIs e Fundos imobiliários são as mesma coisa? E justamente por isso resolvemos dar uma mãozinha nesse assunto.

Os Fundo de Investimento Imobiliário, também conhecidos pela sigla FIIs, são uma ótima opção para quem quer começar a investir ou diversificar os investimentos. Se investe em imóveis ou em títulos de renda fixa atrelados ao mercado imobiliário. Além disso, há diferentes tipos de fundos imobiliários, com estratégias e níveis de risco específicos. Saber diferenciar oferece maior segurança para a tomada de decisão.

Nós da Guru preparamos um conteúdo para ajudar você a tomar uma melhor decisão na hora de investir em fundos imobiliários (FIIs).

O que são fundos imobiliários?

Os fundos imobiliários (FIIs) são uma forma de investimento que priorizam a alocação de recursos em ativos ligados ao mercado imobiliário.

Os Fundos Imobiliários (FIIs) são organizados sob forma de pessoa jurídica e permitem que os investidores tenham acesso a uma enorme gama de investimentos sem, necessariamente, investir grandes somas de dinheiro.

FII é a sigla dada para Fundo de investimento imobiliário.

Através de um FII é possível investir em grandes empreendimentos do segmento imobiliário, como shopping centers, complexos empresariais, prédios comerciais, entre outros. Estes investimentos são geridos por um gestor responsável por escolher os investimentos que serão feitos com os recursos do fundo.

Cada participante do fundo imobiliário possui um determinado número de cotas que varia de acordo com o aporte realizado pelo investidor também chamado de cotista.

Todas as negociações dessas cotas de fundos imobiliários acontecem na Bolsa de Valores, assim como as ações.

Leia também:

Quais os tipos de Fiis – fundos imobiliários?

Existem alguns tipos de Fiis relacionados ao setor imobiliário. São eles::::::

Fundo de tijolo

O fundo imobiliário de tijolo tem como característica investir em imóveis físicos. Essa aplicação tem como objetivo adquirir as propriedades para alugar, considerando o potencial de valorização ao longo do tempo.

Com o valor gerado a partir da emissão de novas cotas, esses fundos imobiliários podem comprar novos ativos e receber aluguel dos mesmos. Esse aluguel é convertido em dividendos para os acionistas.

Leia também ✔️  Qual a diferença entre investir em ações e fundo de ações?

Tipos de fundos de tijolo

  • Lajes corporativas
  • Shoppings
  • Galpões logísticos
  • Galpões industriais
  • Supermercados
  • Setor educacional
  • Hospitais
  • Hotéis
  • Agências bancárias
  • Salas comerciais e escritórios

Fundo de desenvolvimento

O fundo de desenvolvimento é um tipo de fundo imobiliário que investe na construção de imóveis para a venda. O lucro deste tipo de fundo é obtido a partir da diferença entre o preço da construção e a venda dos imóveis no mercado. Existem também aqueles que constroem imóveis corporativos e mantem por certo tempo, usufruindo dos aluguéis sem necessariamente vender assim que pronto.

Fundos de compra e venda

São fundos que tentam lucrar com a compra e venda de imóveis. A ideia é comprar imóveis quando o mercado está retraído para vendê-los quando o mercado estiver em alta. Por essa característica, são fundos arrojados, pois seu desempenho depende das circunstâncias econômicas.

Fundos dos fundos (FOFs)

Os fundos dos fundos (FOFs) são caracterizados por investirem em outros em outros fundos imobiliários. Possuem a vantagem de investir em uma carteira diversificada com um aporte menor do que seria necessário. Os gestores são os responsáveis por escolher os fundos que compõe a carteira tirando a responsabilidade do investidor.

Fundos de recebíveis imobiliários

Os fundos de recebíveis imobiliários também conhecido como fundo de papel são caracterizados por investir em certificados de recebíveis imobiliários (CRI), que são títulos de renda fixa usados para a captação de recursos para investir no mercado imobiliário. Estes certificados são emitidos por empresas securitizadoras para financiar empreendimentos imobiliários e transferir para os investidores o direito de receber dos futuros compradores dos imóveis.

A remuneração costuma estar atrelada a um índice de inflação ou ao CDI. Eles também podem aplicar em títulos emitidos por bancos como a Letra de credito imobiliário (LCI) e das letras hipotecárias (LH) ajudando a financiar os empreendimentos imobiliários.

Esquema para entender melhor a categorização dos Fundos Imobiliários:

Tipos de FIIs Fundos Imobiliários
Esquema de categorização dos tiposde Fiis

Já conhece o Guru App?

O Guru é um aplicativo de investimentos simples, intuitivo e sem corretagem. Com ele, você pode investir diretamente na Bolsa de Valores e acompanhar seus investimentos de qualquer outra corretora.

Clique [AQUI] para BAIXAR O GURU APP​​ e depois abra  sua conta!

Ah, caso esteja no seu computador, basta apontar a câmera do seu smartphone para o QR Code abaixo para baixar o app:

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 7

Seja o primeiro a avaliar!

Guru

Um Guru no mercado financeiro é aquele que sempre quer aprender a investir melhor...

Guru APP