Guru Hub
Glossário do Investidor - Termos de Investimento

CRI

O CRI (Certificado de Recebíveis Imobiliários), é um título de renda fixa de longo prazo. O CRI é responsável por atrair recursos e subsidiar transações do mercado imobiliário.

As construtoras recorrem as securitizadoras para conseguir dinheiro para o término de seus projetos. Então, as securitizadoras transformam os recebíveis imobiliários em títulos de renda fixa, o CRI.

Quando um investidor compra um título de CRI, ele estará propiciando o financiamento de construções, contratos de aluguéis etc. O investidor receberá juros que poderá ser pago periodicamente ou no vencimento do título de CRI.

Rentabilidade do CRI

Há três opções de rentabilidade do CRI:

  • Pré-fixado – esse tipo de rentabilidade poderá ser calculado antes da compra do título, assim, o investidor saberá quanto irá receber antes de efetuar a compra do título.
  • Pós-fixado – ao contrário do título pré-fixado, no pós-fixado o investidor não saberá o valor de sua rentabilidade antes da compra do título, pois, o título será atrelado ao CDI (principal índice de rentabilidade da renda fixa) ou a Selic (taxa básica de juros da economia brasileira).
  • Híbrido – este tipo de título tem rendimentos pré-fixados e pós-fixados.

Para a escolha destes títulos, o investidor precisará levar em conta qual a sua estratégia e quais riscos quer assumir em seus investimentos.

Prazo e liquidez do CRI

Para o investidor que quer comprar um título com resgate imediato, o CRI não é indicado, pois, geralmente este tipo de título só pode ser resgatado após dois anos. Cada contato da compra deste título terá um vencimento diferente. O investidor precisará ficar bem atento ao prazo e a liquidez de seus investimentos.

Desvantagens do CRI

O investidor que quer diversificar em seus investimentos, comprar um título de CRI é uma boa opção, pois, ele possui pouco risco ou é atrelado a inflação.

Mas, investir no CRI tem algumas desvantagens, como:

  • Ativos de baixa liquidez;
  • Dinheiro preso até o vencimento do título;
  • Não possui garantia do FGC (Fundo Garantidor de Crédito);
  • Possui risco de perdas.

Insights finais

Para os investidores que são conservadores, adquirir títulos de CRI é uma ótima opção. Além de não possuírem taxas de IR e IOF.

Mas, apesar de ser um investimento para conservadores, esse tipo de investimento tem seus riscos de perdas, principalmente por não possuírem garantia do FGC.

Cabe ao investidor analisar bem as suas opções e quais estratégias que utilizar em seus investimentos.

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

Seja o primeiro a avaliar!

Guru

Um Guru no mercado financeiro é aquele que sempre quer aprender a investir melhor...

Guru APP