Guru Hub
Glossário do Investidor - Termos de Investimento

Trava de Alta

A trava de alta ou Call Spread é utilizada quando se tem uma tendência de alta no mercado. Essa trava pertence ao grupo de operações estruturadas, pois são elaboradas por mais de um produto de investimento na mesma operação, e é realizada com Opções.

Geralmente, a operação se refere a um método que compreende em obter Opções por um valor menor e vendê-las por um valor maior. A estruturação tem como meta oferecer mais antecipação para a renda variável, pois é provável identificar as perdas e lucros máximos.

A utilização da trava de alta também possibilita que o investidor ou especulador obtenha lucros com a movimentação das ações, mesmo sem a realização da sua compra. Como a operação só ocorre com opções, é possível se beneficiar com boas oportunidades.

Como a trava de alta funciona?

A trava de alta é constituída por mais de uma operação em Opções. Ela pode ser realizada de duas maneiras.

A primeira possibilidade compreende em realizar a trava de alta com “PUT”, que é uma opção de venda. Também conhecida como Bull Spread (venda de trava de baixa), que exerce a compra de uma parte de PUT com um valor menor estabelecido que chamamos de “strike”.

De forma sincrônica a mesma quantidade de PUT é vendida em um strike mais alto, com o mesmo vencimento.

A lucratividade ocorre quando a ação fica acima do maior strike estabelecido, obtendo o ganho igual ao total que foi atingido com a operação. Se o valor cair o prejuízo será moderado.

A segunda possibilidade é a trava de alta com CALL, a opção de compra. Isso acontece quando uma compra de certa quantidade de CALL é realizada em um strike e a mesma quantidade é vendida mas com um strike mais alto.

Quando um valor está abaixo do menor strike na data de vencimento pode ocasionar prejuízos. Já uma valorização acima do strike superior favorece os ganhos.

O investidor deverá ter em mente que quanto maior for a lucratividade, maior serão os riscos. Quanto menor forem os riscos, menor será a lucratividade.

Mas a utilização das travas é essencial quando passamos por oscilações do mercado que podem levar a grandes prejuízos. Quando o investidor montar suas operações travadas, ele irá moderar boa parte destas oscilações.

Quando devemos operar com trava de alta?

A trava de alta é utilizada pelos investidores quando há uma perspectiva de alta nos valores dos ativos. Sendo assim, um cenário positivo para as operações de um determinado ativo, há grandes chances de obter bons lucros operando os derivativos.

A trava de alta também auxilia o investidor a analisar de forma mais clara a renda variável, ou seja, a deixando mais previsível.

Vale salientar, que o investidor que utiliza a trava de alta com CALL ou com PUT irá obter um risco alto limitado e também um lucro alto limitado.

Quais as vantagens e desvantagens da trava de alta?

Quando um investidor não usa nenhum tipo de trava, chamamos de operação com opções realizadas a seco. Na teoria, isso não limita as operações pois o ativo pode subir de valor indefinidamente, mas, por outro lado, o ativo também pode cair de valor de forma bem veloz.

Sendo assim, a utilização da trava de alta possibilita mais previsibilidade ao cenário financeiro. As travas são uma maneira de obter segurança em suas negociações com a limitação dos lucros e dos ganhos, assim, beneficiando o planejamento e o desempenho.

Vamos falar agora das desvantagens destas travas. Sabemos que a trava de alta possibilita maior segurança limitando as perdas, mas, o investidor precisa acompanhar de perto o mercado de derivativos pois possuem muitas oscilações, envolvendo riscos que podem ser expressivos.

Outra desvantagem é o posicionamento incorreto das travas ou uma análise indevida ao cenário em que a Bolsa de Valores se encontra, assim, impactando negativamente nos resultados.

Talvez a aplicação das travas seja complicada para um investidor iniciante, sendo assim, é necessário pedir ajuda para um profissional em investimentos. Assim, prevenindo possíveis erros que podem causar grandes prejuízos financeiros.

Insights finais

A utilização da trava de alta é muito importante para um investidor que deseja segurança em suas negociações na Bolsa de Valores. É claro que as travas devem ser utilizadas conforme as estratégias, objetivos e o perfil do investidor em questão.

Quando a trava de alta é utilizada de forma correta pode proporcionar bons lucros com a valorização das cotações e também limitar as possíveis perdas de dinheiro.

Sendo assim, o investidor precisa entender muito bem o funcionamento das travas e também saber analisar o cenário financeiro para que os seus investimentos sejam bem sucedidos.

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar!

Guru

Um Guru no mercado financeiro é aquele que sempre quer aprender a investir melhor...

Guru APP