Guru Hub
Boletim Focus: Previsão para inflação, PIB e juros em 2024 são mantidas

Boletim Focus: Previsão para inflação, PIB e juros em 2024 são mantidas

As projeções de inflação para 2024, com IPCA estimado em 3,81%, e as previsões para o PIB permaneceram estáveis. As projeções para a taxa Selic, câmbio e outros indicadores econômicos também não tiveram alterações ao longo da pesquisa.

A previsão para a inflação em 2024 e as projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) permaneceram inalteradas em comparação com a semana anterior, conforme revelado no Boletim Focus do Banco Central nesta terça-feira (6). A divulgação, normalmente feita às segundas-feiras, foi postergada em um dia devido à operação padrão dos funcionários do BC.

Em relação à inflação, a estimativa do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para 2024 permaneceu em 3,81%, enquanto a previsão para 2025 se mantém em 3,50% pelo 28º período consecutivo. A expectativa para 2026 e 2027 também permanece inalterada em 3,50%, sendo este o mesmo padrão nas últimas 31 edições do Boletim Focus.

Quanto ao PIB, a mediana das projeções para o crescimento econômico em 2024 se manteve em 1,60%. As projeções para 2025, 2026 e 2027 também não apresentaram alterações, mantendo-se em 2,0%, 2,0%, e 2,0%, respectivamente, por várias semanas consecutivas.

No tocante à taxa básica de juros (Selic), as projeções permaneceram estáveis ao longo de todo o período da pesquisa. A estimativa para 2024 se manteve em 9,00%, sem variação nas últimas seis semanas. As projeções para 2025, 2026 e 2027 permaneceram em 8,50%, 8,50%, e 8,50%, respectivamente.

No cenário cambial, a projeção para o dólar em 2024 permaneceu em R$ 4,92, enquanto a estimativa para 2025 permaneceu em R$ 5,00. A projeção para 2026 foi ajustada de R$ 5,05 para R$ 5,04, e a estimativa para 2027 permaneceu em R$ 5,10.

Quanto ao resultado primário, a projeção para 2024 permaneceu em -0,80% do PIB por sete semanas consecutivas. A estimativa para 2025 permaneceu em -0,60% do PIB, enquanto a projeção para 2026 permaneceu em -0,50% do PIB. Já a projeção para 2027 piorou, passando de um déficit de -0,28% do PIB para -0,30% do PIB.

No que diz respeito à dívida líquida do setor público, as projeções para 2024 e 2025 permaneceram em 63,60% e 66,0% do PIB, respectivamente. A estimativa para 2026 aumentou de 68,40% para 68,65% do PIB, e a projeção para 2027 avançou de 69,81% para 69,95% do PIB.

Finalmente, a projeção para a balança comercial brasileira em 2024 diminuiu de US$ 78,45 bilhões para US$ 76,90 bilhões, após três altas consecutivas. Para 2025, a estimativa recuou de US$ 70,0 bilhões para US$ 68,90 bilhões, enquanto a projeção para 2026 permaneceu em US$ 71,50 bilhões, e para 2027, a projeção continuou em US$ 74 bilhões.

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar!

Guru

Um Guru no mercado financeiro é aquele que sempre quer aprender a investir melhor...

Carteira Inteligente de Investimentos
Carteira Inteligente de Investimentos