Guru Hub
Investimento a longo prazo: onde investir?

Investimento a longo prazo: onde investir?

Vejas as vantagens e as opções para alocar o seu patrimônio no longo prazo

Investir a longo prazo significa que você vai aplicar o dinheiro em uma modalidade de investimento e fazer seu resgate alguns anos à frente.

No geral, quanto mais tempo você mantém o seu dinheiro investido, mais ele rende. A explicação está nos juros compostos que, com o tempo, acabam por elevar ainda mais o rendimento de suas aplicações.

Planejar as aplicações financeiras pensando em investimento a longo prazo, onde os resgates podem acontecer depois de 10, 15, 20 anos, pode ser desafiador para quem está começando a investir por isso preparamos este conteúdo para ajudar você nesta tarefa desafiadora.

Vantagens de investir a longo prazo

Uma das vantagem dos investimentos de longo prazo é a proteção do patrimônio. Isso porque o rendimento de alguns ativos varia bastante ao longo dos anos.

Contar com o tempo a seu favor é o fator que vai fazer com que os juros compostos aumentem o seu patrimônio de maneira consistente. São juros incorporados ao patrimônio de forma sucessiva. Quanto mais tempo o dinheiro ficar investido, maior será o seu rendimento.

Se você se desesperar diante da primeira baixa e resgatar os valores, possivelmente perderá dinheiro. Contudo, se mantiver a calma e deixar a aplicação render é bem provável que ela passe por períodos de alta que compensarão as perdas e aumentarão os seus recursos.

Onde investir a longo prazo?

Previdência privada

Os fundos de previdência privada são um tipo de investimento de longo prazo, geralmente planejado para render por décadas antes do resgate. A previdência privada é muito popular no Brasil entre pessoas que desejam complementar a renda após a aposentadoria. A Anbima, diz que a Previdência Privada é a aplicação preferida dos investidores no Brasil, depois da poupança.

Como a previdência privada é considerada um investimento seguro e mais conservador, estes fundos costumam aplicar majoritariamente na renda fixa de curto prazo, considerados os investimentos mais seguros à disposição.

Mas, por ser um veículo de investimento de longo prazo, também é possível encontrar fundos de previdência mais arrojados, com parcela relevante em renda variável.

Todos os fundos brasileiros de previdência privada estão sujeitos à fiscalização da Superintendência de Seguros Privados (Susep), do Ministério da Economia.

Tesouro Direto

Tesouro Direto é um Programa do Tesouro Nacional, onde é possível realizar compra e venda de títulos federais por pessoas físicas. Ele é uma opção de investimento muito utilizada por iniciantes.

Existe uma grande variedade de títulos que possuem várias opções de prazos e rentabilidades e oferecidos em modalidades prefixadas, pós fixadas e híbridas com alguns títulos com vencimento no curto prazo, mas existem outros com prazos bastante extensos para o resgate por exemplo, do Tesouro IPCA + 2045 ou Tesouro IPCA + com Juros Semestrais 2050..

Leia também ✔️  O que são ações Blue Chips e dicas de como escolher as melhores

LCI e LCA

LCI e LCA são investimentos de baixo risco, contam com garantia do Fundo Garantidor de Créditos voltados para investimentos de até R$ 250 mil. Então, são mais seguros que a poupança.

Seu rendimento pode ser com base em uma duas opções: Prefixado e Pós fixado.

Prefixada se trata de uma rentabilidade fixa, por exemplo 8% ao ano, desta maneira poderá saber exatamente quando renderá seu dinheiro até a data de vencimento, ou seja, seu lucro.

Pós fixada consiste em uma taxa de rendimento atrelada a um indexador como o CDI e o IPCA e não é possível saber com precisão sua lucratividade, pois dependerá do CDI que pode variar em momentos diferentes.

Debentures

As debêntures são títulos de dívidas de renda fixa. Esses títulos são emitidos pelo governo ou por empresas que precisam adquirir liquidez, para investimentos de médio ou longo prazo.

O investidor que compra as debêntures, empresta o seu dinheiro para a instituição que emite estes títulos. O retorno deste empréstimo rende juros para o investidor.

Fundos imobiliários

 Os fundos imobiliários são uma ótima opção de investimento a longo prazo. Cada investidor tem uma ou mais quotas do fundo, que acumulam recursos especificamente para a compra ou venda de imóveis. Os riscos são baixos e a rentabilidade pode ser bem relevante sabendo que os fundos imobiliários costumas pagar dividendos recorrentes.

Ações

Se você pensa em investimentos de longo prazo, considere alocar uma parcela da sua carteira no mercado acionário, para comprar ações ou investir em fundos. Até porque, no longo prazo, os riscos são diluídos.

Quem comprou ações aos poucos ao longo dos últimos 20 ou 30 anos provavelmente teve um bom rendimento, porque isso elimina oscilações de curto prazo. Por isso, as compras devem ser feitas aos poucos, formando um preço médio para as ações. Além disso, as ações contam com isenção de Imposto de Renda se a soma das vendas no mês não ultrapassar R$ 20 mil.

Insights finais

Agora que você já sabe os tipos de investimentos a longo prazo a melhor coisa a fazer é ver qual é a sua aversão ao risco de acordo com o seu perfil de investidor dessa forma diversificar a sua carteira de investimentos e fundamental para compensar as perdas, evitando que seu patrimônio seja afetado.

Já conhece o Guru App? Com ele é possível investir em ações ETFs e BDRs diretamente do seu smartphone de forma pratica e rápida, então baixe agora o nosso aplicativo e comece e a investir na bolsa.

🏆➜ Avalie nosso conteúdo:

Média da classificação 4.7 / 5. Número de votos: 3

Seja o primeiro a avaliar!

Guru

Um Guru no mercado financeiro é aquele que sempre quer aprender a investir melhor...

Guru APP